Diva

Resumo sobre o romance urbano de Alencar.

O romance urbano de Alencar segue muitas vezes o padrão do típico romance de folhetim, retratando a alta sociedade carioca com todas as suas belas fantasias de amor. O romancista, no entanto, vai além: por trás de toda a pompa e final feliz onde todos os segredos e suspenses que se desenvolvem nas complicadas tramas são desvendados, está a crítica, a denúncia da hipocrisia, da ambição e desigualdade social. Alencar se especializou também na análise psicológica de suas personagens femininas, revelando seus conflitos interiores. Essa análise de caráter mais psicológico do interior das personagens remete sua obra a características peculiares dos romances realistas, sobretudo de Machado de Assis.

Diva faz parte desta lista de romances urbanos.

A protagonista Emília é uma jovem mimada, filha de um rico capitalista do Rio de Janeiro. Por ela é apaixonado o médico Augusto, que salvara sua vida quando ela ainda era uma pré-adolescente feia. Emília fica dividida e confusa frente ao amor de Augusto. Ambos ficam assim presos em jogos de amor, amizade e desprezo que são por vezes infantis e outras humilhantes. Augusto se declara, Emília diz não o amar.

Quando ele renega seu amor, Emília percebe seu erro e se declara. Augusto então descobre que ainda a ama, e os dois vivem felizes para sempre, num romance que segue ao pé da letra o estilo folhetim: heróis perfeitos, um obstáculo para o amor (a dúvida de Emília) e um final feliz no último instante.





Início    Quem Somos    Sobre o Site    Perguntas Frequentes    O que é Vestibular Seriado    Fale Conosco